Resenha: Em Algum Lugar nas Estrelas

Autora: Clare Vanderpool

Nota: ♥♥♥♥♥
Ano: 2016
Páginas: 288
Editora: DarkSide
"Não existem coincidências. Só milagres, e aos montes."

Pág.: 43
Resenha:
Jack Barger perdeu a mãe, e seu pai o colocou em um colégio interno para meninos.
Seus dias são tristes, são extremamente silenciosos... Ele está sozinho...
Jack é jovem, ainda um menino que está aprendendo a lidar com a perda e com um pai distante, sem amigos e longe de casa ele vai aprender que nem tudo é o que a gente acredita ser.
Em um imprevisto que lhe ocorreu durante uma aula na escola, Jack foi liberado, ao mesmo tempo que sentia vergonha por ser caçoado pelos colegas, sentia um alívio por sair dali. 

 "Os dois choraram suas lágrimas, embora não fossem as mesmas. As dele eram jovens e eufóricas. As dela velhas e cheias de história."

Pág.: 45
No caminho para a saída quando estava retornando ao vestiário, acabou seguindo outro caminho e encontrando um quarto, no lugar tinha de tudo um pouco e ao fundo uma vitrola espalhava um leve som pelo ambiente.
Jack então percebeu que estava no quarto do Early, o garoto que todos comentavam, ele quase não aparecia nas aulas, o menino morava ali sozinho.
Imaginando mil coisas a respeito do garoto que ele nem conhecia, Early parecia estar totalmente confortável com o não convidado e foi gentil com Jack, lhe emprestou roupas secas e iniciaram uma conversa.
Quem diria que falar sobre Pi seria um assunto tão extenso e emocionante?

"Olhar para o vulcão era suficiente para quase queimar os olhos. Ele olhou para céu, desejando um momento de calma como o que havia vivido na tempestade. E então viu a Ursa Maior apontando o caminho para sua estrela, Polaris. Ela o havia guiado até ali. Sua mãe havia dito que a Ursa Maior também era mãe."

Pág.: 106
Early não tinha amigos, era excluído de tudo, ficava sempre em seu cantinho, seguindo a sua rotina como se fosse uma coisa normal, sua experiência de conversar com o Jack foi boa o que levou os dois a serem amigos e juntos acabaram encontrando uma coisa em comum...
Early e Jack reconstruíram o barco para a regata e começaram a treinar juntos, logo cedo os meninos iam correndo para o lago treinar, mas a aventura deles não seria só isso.
Dias se passaram e Jack por puro egoísmo magoou o amigo e percebeu o seu erro, foi então atrás dele que estava prestes a partir...
Early iria caçar um urso e encontrar Pi, e provar a todos que ele não estava morto, Pi não iria acabar, ele só está perdido e não apenas ele, seu irmão Fisher também.
Mesmo acreditando que isso era loucura, Jack seguiu o amigo nessa aventura... Eles não estavam apenas buscando pessoas, mas estavam buscando a si mesmos ao seguirem as estrelas e o coração de cada um... Infelizmente esse detalhe só foi reparado no final.

"Essas pessoas, como Pi, foram atraídas para aquele lugar por correntes que mudavam de direção e ventos imprevisíveis, e todas acabaram ali pela mesma razão: enterrar seus segredos sombrios e os tesouros que pudessem ter."

Pág.: 138
Opinião:
Nem sei por onde começar...
Em Algum Lugar nas Estrelas é sem dúvida um dos livros mais lindos que já li.
A estória nos apresenta dois meninos encantadores, cada um tem seu jeitinho especial.
Jack perdeu a mãe então se sente solitário, ele segue os dias pensando nela, imaginando o que ela diria sobre algumas situações.
"Por que tudo havia virado de cabeça para baixo? Por que minha mãe tinha que morrer? Por que estou seguindo Early, com suas histórias doidas sobre Pi, em uma caçada maluca a um urso?"

Pág.: 146
Do mesmo modo, Early perdeu o pai e sentiu o mesmo, logo 'perdeu' o irmão que ele acredita estar vivo, apesar de ter recebido uma carta alegando a morte dele. Seu amor e sua confiança é inspiradora. O garoto é considerado um estranho por acreditar que Pi é uma pessoa e que os números são histórias. Para ele cada número de Pi era uma situação, um acontecimento do personagem viajante.
O garoto é considerado um estranho por esse seu jeito de ser, hoje ele seria designado um autista, o que de fato ele é, mas como até mesmo a autora deixa na nota para o leitor, nesse período eles nem sabiam o que era isso.
"As estrelas não estão presas umas ás outras. Estão lá para serem admiradas. Olhadas, desfrutadas. É como pescar com vara. Pescar com vara não é sobre pegar o peixe. É aproveitar a água, a brisa, os peixes nadando à sua volta. Se pegar um, ótimo. Se não... melhor ainda. Significa que você pode voltar e tentar de novo!"

Pág.: 168
A esperança que existe dentro desse menino me arrebatou o ar dos pulmões... Me pegou de jeito as palavras dele.
O livro não se trata de uma historinha de aventura, esse livro é muito mais que isso! A autora nos proporciona uma leitura rica em emoção e aprendizagem. Com duas crianças aprendi que devo seguir mais o que acredito e  correr atrás do que eu quero...
Por um acaso ou não, tudo que o Early conta sobre as aventuras de Pi começa a acontecer com eles, de um modo diferente, mas acontece.
 "A Ursa Maior é uma mãe ursa, e o amor de uma mãe é forte. Ela vai encontrá-lo. E nós temos que encontrá-la, porque ela vai nos mostrar o caminho."

Pág.: 209
A nossa capacidade de achar que o outro é inferior a nós por ser diferente, só nos mostra o quanto somos iguais quando poderíamos sair da mesmice e fazer à diferença.
 Clare Vanderpool vai nos ensinar que números podem ser estórias e que sentimentos podem ser chaves para abrirem portas.
"Lá em cima é como aqui embaixo, Jackie. Você precisa procurar as coisas que nos conectam. Encontrar os jeitos com que nossos caminhos se cruzam, nossas vidas se interceptam e nossos corações se encontram."

Pág.: 272
Skoob

Comprar:
Espero que tenham gostado.
Até o próximo post.
Beijuuu,
Keth.


22 Comentários

  1. O livro é tão lindo hein... E a sua resenha ficou maravilhosa! Vou colocar mais uma caveirinha na minha lista de leitura... Beijos!

    www.lendo1bomlivro.com.br
    Instagram :) @lendo1bomlivro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii.
      Leia esse livro, Day. Você não vai se arrepender.
      Que bom que gostou... Obg! ♥
      Bjs.

      Excluir
  2. Olá, esse livro já é um dos meu desejados a edição é linda e essa resenha me deixou mais curiosa.

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei a estrutura da sua resenha e sua escrita, ficou ótimo. Além disso, não conhecia esse livro, mas já amei essa história, parece incrível, tocante e intensa, diferente do que já li antes, com certeza está na minha lista agora!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii.
      Obrigada! Que bom que gostou.
      Espero que goste ele quando ler. É lindo, você não vai se arrepender.
      Bjs.

      Excluir
  4. Que resenha fantástica Keth! Fiquei encantada pela história de Jack e Early e quero muito saber se eles vão conseguir encontrar Pi. Pelo o que você disse, percebi que é uma leitura bem leve e que vai além de uma simples aventura. O que eu mais gostei foi da relação de amizade entre os dois garotos que, em meio a suas perdas, ainda conseguiram encontrar uma coisa na qual acreditar e lutar por essa coisa. O livro realmente parece ser muito bom, não vejo a hora de lê-lo!

    beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! ♥
      Ele é lindo demais! Espero que leia e que goste do livro.
      Bjs.

      Excluir
  5. Amei a resenha *U*

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  6. Amei a resenha, já conhecia esse livro por fora, não por dentro e agora que vi essas fotos fiquei encantado! a Darkside capricha!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, Marcelo.
      Realmente eles capricham mesmo.
      Um abraço.

      Excluir
  7. Sou louca pra ler esse livro! Mas nunca tinha lido nada além da sinopse hehehe
    Adorei a resenha, só me fez ter certeza que quero MESMO ler! E me emocionar assim :D

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vivi.
      Leia sim. Você vai gostar, tenho certeza disso.
      Bjs.

      Excluir
  8. Que livro lindooo!
    Não só por fora, mas pela sua resenha, a história é maravilhosa também. Desde que vi ele me apaixonei, quero muito ler. Me fez lembrar dos livros do Boyne pela história porque o foco não é romance, senão a história de dois jovens. Ameii.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi.
      Ele é realmente lindo mesmo.
      Espero que leia e que ame muito.
      Bjs.

      Excluir
  9. Amei sua resenha e reflexões sobre a obra, esse livro me encantou muito por suas ilustrações e assim que puder vou ler com certeza hauha. Vi que você está lendo crônicas dos caçadores das sombras e estou super curiosa para saber mais sobre esse livro, adorei o blog ^^.
    http://minimundoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii.
      Que bom que gostou. Esse livro é muito lindo.
      Estou amando o livro Cassie, apesar de estar bem no comecinho.
      Também gostei do seu blog. ♥
      Bjs.

      Excluir
  10. Olá,
    Amei a resenha, essa edição da Darkside é realmente linda e ja esta na minha lista de leitura.

    http://blogviagensliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu estou mega ansiosa para ler esse livro, sem falar que ele é a coisa mais linda!
    A edição é maravilhosa, a caveirinha arrasou <3
    Ótima resenha *---*

    ResponderExcluir
  12. Oii Keth.
    Eu preciso ler esse livro. Essa sinopse, essa resenha, essa capa... O tanto que você ja me falou dele, nossa eu preciso.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Oi Keth, tenho esse livro pra ler, está na fila!!! Sua resenha ficou linda!!!
    Com carinho
    One

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar o seu comentário! ♥
Caso tenha um blog deixe aqui o link para eu conhecer. =)