Resenha: Os Filhos de Ítaca

Autora: Angie Stanley

Ano: 2014
Páginas: 542
Editora: Independente

Resenha:
  Tyler é um típico adolescente Astro do Rock, ele tem uma banda com alguns amigos e um deles é o Nick, eu irmão de coração.
  Desde os 13 anos os garotos fazem sucesso algo que levou eles a terem uma vida bem corrida e perigosa. Tyler sempre teve sua mãe ao seu lado e sua madrinha de consideração (Angie Dix), mesmo assim o pai lhe faz falta.
"-'Conservar algo que possa recordar-te seria admitir que eu pudesse vir a esquecer-te.' "

  Be é o anjo protetor da Angie e diz para ela que Tyler e Nick precisam ir para Ítaca, (uma cidadezinha que nem se encontra no mapa) para saírem dessa vida "devassa" que levam, principalmente Tyler que começou a usar drogas com mais frequência.

  Suzana teme que seu filho fique igual ao pai, viciado em drogas, mulheres e que perca uma vida saudável que poderia levar. Decida a dar ouvidos a sua amiga Angie, Suzana leva Tyler consigo para Ítaca, apesar da revolta do garoto que acaba indo por não ter escolha, o medo de ficar com o pai e perder tudo é maior.
  Sua mãe insiste para que ele melhore, que deixe as drogas e passe a levar uma vida normal, depois tanto ouvir as súplicas de sua mãe ele decide que vai melhorar...
"Vou abrir meu coração bem na cicatriz
E me soltar
Vou fazer o que me mandam e ir onde me disseram
E me soltar."
(Wait for me - Kings of Leon)

  Leonardo é um bom vizinho e decide dar as boas vindas aos novos moradores de ítaca, logo ele se encanta por sua vizinha Suzana e não vai com a cara do filho dela.

 Já no colégio, Tyler não vê a hora de seu amigo Nick chegar.

  Ao esbarar em uma garota que o encanta, ele tenta encontrá-la e descobre seu nome, Moira.
  Tyler odeia acordar com música que seu vizinho coloca de manhã, mas quando ele sai na janela sua vista é o quarto de Moira, ela esta de toalha e encantando até que ele é visto e tem a certeza que quer aquela garota.

"Então eu pus a minhas botas,
que têm a quantidade certa de couro
E estou preparando a minha exibição,
mas eu sei que não importa
Tudo o que precisamos neste mundo é um pouco de amor
Há uma linha fina entre o lado escuro e o lado da luz
hoje á noite, querido
É preciso um grande esforço para encontra-la"
(If I Had You - Adam Lambert)

Ao chegar, Nick se impressiona com Dee Dee a bela amiga de Moira... E não é apenas ele que se perde no olhar dela.

 "-O que aconteceu com a menina má que só queria aproveitar a vida 'enquanto podia'.
-...Se perdeu no olhos dele. - disse a menina de cachinhos dourados, fazendo a amiga se calar."
  Be viu que o futuro deles poderia ser melhor levando eles para Ítaca e o destino desses jovens é salvar as garotas que precisam de deles depois de serem salvos....
Viva esta aventura encantadora com esses jovens e seja cativado por este romance emocionante e engraçado criado por Angie Stanley.



P.S.: Emocionante!
  Mais uma vez me emocionei com a Angie, uma das melhoras autoras nacionais que conheço, ela tem o poder de encaixar músicas que caem como uma luva nas cenas escolhidas, só posso dizer que ela é uma diva!
  Além desta história, divertida e emocionante do Tyler e do Nick, as músicas de trilha sonora são perfeitas e dão um toque especial que é ótimo som de fundo durante a leitura...
 
Neste livro o leitor encontra alguns personagens de outros livros da autora.

   Angie Dix Lettus você encontra tudo sobre ela no livro: Uma Segunda Chance
Clique aqui para ter acesso a resenha.

  Aline e sua família nordestina que você encontra no livro: A Ladra de Corpos
Clique aqui para ter acesso a resenha.

Sarah  e David, pais do Nick você encontra a história deles no livro: O Bom Partido
Clique aqui para ter acesso a resenha.

Para adquirir seu exemplar basta entrar em contato com a autora por:
Para conhecer todas as sua obras e lançamentos de livros:
Skoob: Clique aqui


Angie Stanley? É brasileira? Mas por quê esse nome?

Nasceu com imaginação fértil. Enquanto crescia, Léo, seu irmão, tratou de adubar com Shakespeare, Kafka, Hesse e muito rock and roll.

Apaixonou-se pela literatura e desde muito cedo convive com suas personagens de forma tão entusiástica que por incontáveis vezes acredita que elas transcendem o imaginário.
Transita confortavelmente pela literatura e a música, mesclando-as para construir sua narrativa repleta de referenciais, mas preservando um estilo próprio e cativante.
E foi do universo musical que nasceu seu nome autoral: devota de David Bowie, o camaleão do rock, na época casado com Angie; e fiel seguidora da banda Kiss, cujo guitarrista é Paul Stanley, juntou o nome da então amada de seu ídolo com o sobrenome de um ícone e assim estava autobatizada a escritora brasileira Angie Stanley.
Algum tempo se passou, a garota sonhadora cresceu, sem abrir mão das mechas roxas nos cabelos, nem de seus hábitos noturnos, suas marcas registradas.
Em 2013, Angie ganhou doze concursos de contos e tomou posse de sua cadeira na Academia de Letras Cora Coralina dos Professores de São Paulo.
Sempre escreve dois ou três romances ao mesmo tempo, o auge da produção literária são as madrugadas. A essa rotina caótica, ela dá o nome de "vida normal" e mesmo assim algo de intocado permanece: sua imaginação transcendente...
Ama o contato direto com seus leitores, responde a todos os e-mails que recebe e faz questão de realizar encontros com os leitores na Livraria Curitiba do Shopping Aricanduva.
Angie tem agora 6 livros lançados e mais 15 aguardando a publicação.


Sejam bem-vindos à Família Stanley!




Deixe um comentário

Obrigada por deixar o seu comentário! ♥
Caso tenha um blog deixe aqui o link para eu conhecer. =)