Resenha: DUFF

Autora: Kody Keplinger

 Nota: ♥♥♥♥♥
Ano: 2016
Páginas: 328
Editora: Globo Alt

Resenha:
Bianca Pipper tem dezessete anos e tem uma vida bem diferente do que é a vida de uma típica adolescente.
Diferente de suas amigas não suporta baladas e não é o tipo de garota que sai com qualquer um mas por ser a única entre as três que tem um carro ela faz um esforço para levar suas amigas em festas e acaba passando a noite sentada em um banco conversando com o barmen e tomando sua Coca-Cola light.
Sua vida não é nada emocionante, sua mãe esta viajando pelo mundo dando palestras e seu pai esta sempre trabalhando e quando estão os dois juntos o diálogo entre eles é bem curto... Ela já estava acostumada com a vida que levava mas será que nada disso iria mudar? De longe se percebe que relação entre seus pais não esta nada boa mas para não magoar seu pai e dizer o pensa ela apenas se faz cega e tenta não pensar nisso.
Casey é sua melhor amiga, Jéssica também mas ela não conhece B igual Casey, mentir para ela era quase impossível mas nunca passou pela cabeça de Bianca que um dia ela iria omitir e mentir para sua amiga de uma forma que até mesmo ela iria se sentir mal.

Em uma balada que foi com suas amigas Bianca tomou uma atitude que não deveria...

Enquanto suas amigas dançavam na pista B ficou no bar sentada olhando elas de longe, mas para sua surpresa alguém resolveu lhe incomodar. Wesley Rush o garoto sensação do colégio que dorme com qualquer tipo de garota estava ao seu lado tentando puxar conversa, já brava vendo que ele continuava ali após mandar ela pedir para ele sair Bianca jogou todo seu refrigerante nele, puxou suas amigas e foi embora.



"-Sabe, eu tinha certeza de que você não resistiria ao charme dele para sempre.
-O quê? - falei, virando para encará-la. - Estou resistindo muito bem, obrigada. E quer saber de uma coisa? Não há nada pra resistir. Acho esse cara repulsivo. Esta noite foi apenas um lapso de julgamento, e isso nunca vai acontecer de novo.
- Nunca diga nunca, B."
Página: 48
Mas ter ido embora não mudou as coisas ele disse para ela, as 4 palavras que não saiam de sua cabeça... DUFF, Bianca Pepper é uma DUFF. Será que ela realmente deveria se importar com o que ele diz? Ao pensar em suas amigas a pobre B passou a aceita que sim ele estava certo ela é uma DUFF: Designated (designada), Ugly (feia), Fat (gorda) e Friend (amiga).
Dias depois eles se encontraram novamente na balada, B não estava nada bem, seus pais brigaram por telefone e seu pai queria ficar sozinho em casa então ela aceitou sair com a Jessica e a Casey, mas olhar para elas todas belas e ela ali sentada sem animo, apenas contando as horas para ir embora a fazia cada vez mais pensar sobre ser uma DUFF. Wesley mais uma vez apareceu e B agiu sem pensar e beijou o garoto que mesmo surpreso continuou a retribuir.

Foi um grande erro ter beijado Wesley mas isso realmente foi bom... Por mais que esteja se sentindo suja ela não poderia mentira para si mesma - isso a deixou mais leve.
Dias se passaram e as coisas só pioravam, agora não era mais um beijo de Wesley Rush que a deixava melhor eles estavam indo além e a situação perdeu o controle deixando de ser apenas sexo.

Sua vida mudou, a relação de seus pais esta um caos, sua situação com o Wesley é um grande erro e mentir para Cansey é um grande peso em suas costas.

"...Não importa aonde você vá ou o que você faça para se distrair, a realidade alcança você."
Página: 152

P.S.: DUFF sem dúvidas deveria ser uma livro obrigatório a todos os adolescentes por mostrar um mundo onde pequenas palavras podem machucar e onde seus pensamentos pode mudar e que hoje você julga mas amanhã é você quem pode ser julgada. Muitas garotas esquecem que nada é " mil maravilhas para sempre" e se entregam a um mundo de status que não leva em lugar algum para depois se arrependerem quando já é tarde.
Bianca traz para seus leitores sua vida nada perfeita e a forma que ela enfrenta isso, esconder a dor não adianta em nada isso não vai mudar só vai machucar ainda mais e pesar em sua consciência por mais tempo.
Por que este livro é tão apaixonante? Por ser leve, por mostrar um mundo complicado onde todos tem problemas e fingem que não tem. Por que eu amei este livro? Porque ele nada mais é do que um romance emocionante que vai te fazer enfrentar os problemas - seus  medos e olhar para frente e nunca para traz pois o passado não muda!


"Mas sei que estou certo também. Sei que você está apaixonada por mim, apesar de estar namorando Tucker. Você pode mentir para si mesma se quiser, mas a realidade vai alcança-la. Vou esperar até que isso aconteça... você goste disso ou não."

Página: 287
Obrigada editora Globo Alt por publicar este livro maravilhoso da Kody Keplinger que mesmo lendo pela segunda vez fiquei ainda mais apaixonada por esta obra.


Para adquirir o livro:


Adquira já o lindo marcador de perninha! Clique aqui.



"De algum modo, isso fazia tudo ficar mais empolgante. É doentio e bizarro, mas também é bem real, não é mesmo? Já que escapar é impossível, porque não abraçar o caos?"

Página: 321








"Meu amor por Tody é como a folhagem dos bosques. O tempo vai muda-lo, tenho plena certeza, como o inverso muda as árvores; meu amor por Wesley se assemelha ás rochas eternas do solo - uma fonte de pouco deleite, visível mas necessária."

Página: 290




Espero que tenham gostado... Deixe seu comentário e até o próximo post! ♥ 



2 Comentários

  1. Quero muito ler esse livro, assisti ao filme e gostei demais!

    Adorei seu blog.


    https://colecionandohistoria.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Super recomendo o livro... Ainda não assisti ao filme mas quero muito assistir.
      Que bom q gostou, flor.
      Beijos ♥

      Excluir

Obrigada por deixar o seu comentário! ♥
Caso tenha um blog deixe aqui o link para eu conhecer. =)